Pesquisar este blog

terça-feira, 8 de junho de 2010

Campanha pela imortalidade do Google.

Até tenho vontade de escrever um livro, mas que lance mais sem graça você ter que implorar para uma editora publicar suas palavras. A troco de que? Títulos, prestigio, status? Para que? Para se ter o que dar de presente para o amigo em alguma data comemorativa? Ah, sim , porque quem você acha que vai comprar o seu livro senão a sua família?
Até e se você for conseguir uma grana através desse trabalho, vai demorar pacas e até lá tu pode jogar bolinha no sinal... Vai indo na frente que passo lá para liberar um moedão para tu.

Sem “gramur”, mas é isso mesmo que acontece, entretanto, todavia, não desistam de tentar porque sempre tem um no final do funil que deslancha. Mas não penso que seja meu caso.Sou do tipo socialista, abaixo ao capitalismo, completamente contra essa vida consumista.
Você viveria muito bem carregando suas coisas sem um saco plástico reciclado, para que matar os animais para fazer uma bolsa bonitinha? Arranca um pedaço da sua pele e vai fazer a carteira para combinar... Chocou, baby? A lógica é a mesma...
Gosta de comer patezinho de fígado?
Pega o seu lindo filhotinho amarra ele desde o seu nascimento e entope de comida.. Quem sabe você não estará criando um belo Fois Grãs.

Mas não to afim hoje de falar dessa historia da falta de consumo racional dos seres desumanos...isso me cansa!

Palavras ao vento, recado dentro da garrafa, tudo isso são formas de explodir com as suas sonatas, mas atualmente não há instrumento mais popular que o Google. É uma baita contradição, afinal não há atualmente empresa mais hija de La putana que los norte hermanos.
Compram geral, para que não façam concorrência, largam trocentos na merda, aumentam o índice de suicídios e tudo bem.
Continuamos recebendo e-mails com as belas e invejáveis instalações de trabalho da Google, onde só doente da moral não iria querer trabalhar em um lugar como aqueles.

Escrever suas insanidades no Google, é como deixar para a posteridade suas métricas e merdas.
A bíblia não foi escrita por alguns que juraram ter ouvido aquelas palavras de Jesus? Ah, sim O “telefone sem fio” só começou a existir depois disso..... Pois então, vai que um "Biblieiro, ling ling capial" que gosta de calypso lê isso aqui e se salva para toda a eternidade.


Amém!


Leitura obrigatória:
Maus tratos de animais


Gosta de um patezinho? Como se faz um belo Foi Gras


We love Google

2 comentários:

  1. Olá,
    O agBook, da AlphaGraphics, publica livros sob demanda de forma fácil e totalmente gratuita. Para publicar, basta acessar www.agbook.com.br e efetuar seu cadastro.
    O principal objetivo do agbook é apoiar novos escritores brasileiros e ainda oferecer todas as técnicas para que o autor não somente publique o seu livro como também o promova de maneira eficiente.
    Coloco meus contatos à disposição para qualquer dúvida pbaiadori@alphagraphics.com.br
    Abraços.

    ResponderExcluir